Cirurgia Íntima

Cirurgia Íntima

O que é cirurgia íntima?

O termo cirurgia íntima é utilizado para definir alguns procedimentos cirúrgicos que buscam reparar e melhorar o aspecto estético do órgão sexual feminino. Entre eles, podemos destacar a redução de pequenos lábios (ninfoplastia), redução do monte de Vênus (região volumosa acima do pêlos pubianos) e a correção de grandes lábios (que podem ficar murchos com a idade).

Quais as indicações da cirurgia íntima?

A redução de pequenos lábios (ninfoplastia) é indicada para reduzir e modificar a aparência dos pequenos lábios , preservando a função e o aspecto natural. A redução do monte de Vênus é indicada para diminuir o volume exagerado nesta região causado por um acúmulo localizado de gordura apresentado por algumas mulheres, que é tratado com lipoaspiração. A correção de grandes lábios, quando murchos ou atróficos, é indicada para reparar a flacidez causada pelo envelhecimento ou pela perda acentuada de peso, realizada através da injeção de gordura ou retirada de pele.

Como é feita a cirurgia íntima?

As cirurgias íntimas são realizadas no hospital sob anestesia local e sedação, recebendo alta hospitalar algums horas após o procedimento.

Quais os cuidados pós operatórios?

Além do uso de analgésicos e higiene adequada do local, as relações sexuais somente serão liberadas após um período de aproximadamente 3 semanas. Não é necessário retirar pontos.

Quais as contra-indicações para a cirurgia íntima?

A realização de cirurgia íntima não deve ser realizada em gestantes e na vigência de infecções genitais.

Como são as cicatrizes da cirurgia íntima?

As cicatrizes da redução de pequenos lábios (ninfoplastia) são posicionadas na borda interna dos pequenos lábios, mas costumam ser muito discretas devido ao fato de se localizarem numa área interna da vagina (na mucosa). As cicatrizes da redução do monte de Vênus e a correção de grandes lábios são pequenas incisões de 3 milímetros por onde são introduzidas as cânulas de lipoaspiração.