Queimaduras

Queimaduras (Sequelas funcionais e estéticas)

O que é?

Queimadura é uma lesão da pele por um agente químico (ácidos, bases, produtos químicos) ou físico (calor, irradiação, abrasão, eletricidade) levando à perda da integridade da barreira cutânea. As queimaduras são classificadas de acordo com a profundidade em primeiro, segundo e terceiro grau. As queimaduras de primeiro grau atingem a epiderme, causam vermelhidão e dor, cicatrizam em 3-7 dias e não deixam cicatriz. As queimaduras de segundo grau atingem a epiderme e parte da derme (superficial ou profunda), caracterizam-se clinicamente pela presença de bolhas e dor, cicatrizam de10 a 15 dias se superficiais e 30 dias se mais profundas e podem deixar cicatrizes.As queimaduras de terceiro grau atingem toda a espessura da pele e acometem tecidos profundos, não são dolorosas e não reepitelizam.

Tratamento

O tratamento das queimaduras depende da profundidade e extensão. Queimaduras de primeiro grau podem ser tratadas com analgésicos, cremes para aliviar a ardência e hidratação. Queimaduras de segundo e terceiro grau exigem acompanhamento médico dos curativos e podem necessitar de internação hospitalar. O tratamento cirúrgico realizado na fase aguda da queimadura envolve enxertos de pele e/ou retalhos. É importante seguir rigorosamente as orientações médicas para evitar seqüelas estéticas e funcionais. Quando estas seqüelas ocorrem, são necessárias cirurgias mais complexas para restaurar as funções e aparência. A proteção solar é extremamente importante para a cicatrização de queimaduras, para evitar manchas escuras. O uso de malhas elásticas compressivas é indicado para prevenir cicatrizes hipertróficas e quelóides.

Quais os cuidados pré-operatórios?

O paciente terá todas as orientações por escrito sobre a cirurgia, devendo sempre estar atento ao seu estado geral e comunicar qualquer alteração, como uma gripe, dor de garganta, ardor ao urinar, etc. Nesse caso, o paciente será avaliado e a cirurgia poderá ser adiada para sua própria segurança. Deve-se prestar atenção ao jejum, caso este seja solicitado, vir acompanhado para a cirurgia e evitar o uso de brincos, anéis, piercings, esmaltes coloridos nas unhas, etc. Qualquer medicação usada deve ser informada ao médico, pois várias delas podem causar efeitos colaterais que obrigam à suspensão da cirurgia. Da mesma forma o tabagismo é altamente indesejável.

Qual o tipo de anestesia?

Desde que o paciente seja avaliado corretamente os procedimentos anestésicos atuais oferecem baixíssimos riscos de problemas. De acordo com as possibilidades clínicas, a idade e o desejo do paciente, preferimos usar anestesia geral ou anestesia local com sedação. A anestesia local com sedação tem a vantagem de possibilitar uma cirurgia sem dor, uma recuperação quase imediata e um retorno para casa em poucas horas. Já a anestesia geral está bem indicada em pacientes mais jovens ou agitados.

A cirurgia

Cada tipo de seqüela de queimadura necessita de um tratamento cirúrgico específico, que envolve zetaplastias, enxertos de pele, retalhos e até mesmo o uso de expansores de pele. Algumas cirurgias são simples e rápidas, sobretudo as realizadas com anestesia local; outras são mais complexas e demoradas, com anestesia geral e exigem internação.

Cicatrizes

Toda queimadura que atinge a pele profundamente deixará cicatrizes, que podem ser de melhor aparência se forem tomados todos os cuidados recomendados.